Notícias Gospel da semana Site Amigo De Cristo

Sociedade Evangélica é suspeita de desvio em verba de R$ 4,4 milhões

sábado, 27 de agosto de 2011 11:00
Sociedade Evangélica é suspeita de desvio em verba de R$ 4,4 milhões

O TCU (Tribunal de Contas da União) mandou que o Ministério do Turismo suspendesse imediatamente os repasses de verba à SEB (Sociedade Evangélica Beneficente de Curitiba) por suspeita de irregularidades.

O deputado do PMDB-PR André Zacharow (foto), que foi presidente da entidade por 14 anos, conseguiu para a SEB dois convênios de prestação de serviço no valor total de R$ 4,4 milhões. Ele se licenciou para assumir a sua cadeira na Câmara, mas nunca se distanciou da sociedade.

O desvio estaria ocorrendo por intermédio de superfaturamento, como no caso da reprodução de material didático que constava ter um preço 265,5% a mais do que a média de mercado.
O Tribunal também detectou que a entidade religiosa terceirizou um serviço o qual teria de executar. Outra irregularidade seria um curso oferecido pela internet cuja duração era apenas de 10 minutos.
Na avaliação do TCU, a SEB, embora estivesse recebendo verba para atuar em saúde e educação, não tem qualificação nessas áreas.
A direção da entidade nega qualquer irregularidade. Mas a Polícia Federal tem a gravação de uma escuta telefônica (feita com autorização da Justiça) na qual Frederico Silva Costa, então secretário-executivo do Ministério do Turismo, orienta Fábio de Mello, diretor da entidade, como fraudar os convênios.
Costa e Mello, juntamente com mais de 30 pessoas, foram presos pela PF sob a acusação de golpe no Ministério de Turismo. Ambos já foram soltos e agora aguardam o início do processo judicial.
Entre os acusados, está o pastor Waldimir Furtado, da Igreja Casa de Oração do Macapá, Amapá.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Paulo Lopes

O sofrimento sempre faz sentido? John Piper explica

sábado, 27 de agosto de 2011 10:30
O sofrimento sempre faz sentido?

Certamente não, não faz sentido para nós. Mas faz sentido para Deus. Portanto não é irracional ou essencialmente absurdo.

Nossa perspectiva não é a perspectiva de Deus. Não temos a visão que Ele tem. Existem diversas analogias disto. A que eu mais gosto, penso eu, é a do tapete. Ela foi usada, acredito, por Corrie ten Boom, que sofreu muito como pessoa durante a II Guerra Mundial quando foi aprisionada por ajudar judeus.
Ela disse que o sofrimento do mundo é como olhar embaixo de uma tapeçaria. Deus está tecendo-a de cima para baixo, e consegue contemplar a imagem se desenvolvendo. Nós estamos olhando de baixo para cima e estamos vendo todas estas linhas entrelaçadas. Parece não fazer sentido algum, mas é a mesma tapeçaria.
Na Bíblia, Deus nos dá evidências suficientes de Sua sabedoria como tapeceiro, traços suficientes do grande quadro da tapeçaria, e promessas suficientes de que Ele vai fazer lindas todas as linhas da nossa vida a fim de que possamos confiar n’Ele, mesmo que consigamos enxergar apenas a parte de baixo de vez em quando. E é isso que fazemos na tribulação.
Não temos que compreender o nosso sofrimento ou de outros a ponto de entendermos porque aconteceu agora, nesta medida e com estes efeitos. Não podemos ver tudo isso. O que podemos ver são as promessas, “Eu farei com que todas as coisas cooperem para o seu bem,” e “Eu glorificarei a minha graça na sua fraqueza.” Deus tem nos dado o suficiente na Bíblia para sabermos que há uma tapeçaria lá em cima da qual eu faço parte e que será linda. Eu vou me agarrar a Ele.
Você pode orar pela pessoa que está enfrentando o sofrimento agora mesmo?
Amém. Vamos orar.
Pai, eu oro com o apóstolo Paulo para que o Senhor conceda a todos que estão me ouvindo agora que sejam fortalecidos no homem interior, de acordo com as riquezas da Tua glória, através do Teu Espírito. Eu oro para que Cristo habite em seus corações pela fé, e que eles sejam alicerçados em amor. Oro para que tenham poder, poder espiritual, com todos os santos para compreenderem qual é a altura, a profundidade, o comprimento e a largura, e conhecerem o amor de Cristo que excede o conhecimento, bem em meio ao seu sofrimento.
Eu oro para que Cristo seja um tesouro para eles, que Ele seja a sua esperança, sua força e sua alegria. Senhor, torne Jesus tão real, tão poderoso, tão intenso, tão autêntico, tão inabalavelmente firme, que eles não desistam em incredulidade enquanto lidam com a dor em suas vidas.
Oh Senhor, conceda graça sustentadora.
Não graça para impedir o que não é contentamento
Nem fuga de todo sofrimento, mas isto:
A graça que ordena nossa dor e sofrer,
E em seguida, nas trevas, está lá para suster.
Sustente a todos, Senhor, por meio da Tua graça à medida em que eles se aproximam de Ti.
Em nome de Jesus, eu oro. Amém.

Texto de Jonh Piper
Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Via: Guiame

Homens não gostam de discutir relação desde criança

sábado, 27 de agosto de 2011 10:11
Homens não gostam de discutir relação desde criança

Uma pesquisa feita pela Universidade do Missouri, EUA, ainda não publicada, revelou que desde cedo os homens não gostam de falar de problemas ou de sentimentos.
Segundo a pesquisadora Amanda Rose, uma das autoras do estudo, isso acontece porque eles acham que conversar sobre o assunto é perda de tempo.
De acordo com ela, o resultado é contrário ao senso comum, que diz que homens não discutem problemas por vergonha ou por medo de parecerem fracos.
A pesquisa envolveu cerca de 2.000 crianças e adolescentes, entre oito e 16 anos. Foram feitos questionários e discussões em grupo.
Quando perguntados como se sentiriam se discutissem seus problemas, os garotos não expressaram mais ansiedade ou aflição do que as garotas.
“Em vez disso, os meninos achavam que a discussão teria resultado positivo. Eles foram mais propensos a pensar que era uma perda de tempo e se sentiam estranhos”, dizem os autores, na conclusão do artigo, que sairá na próxima edição do jornal “Child Development”.
Já as meninas sentiam-se à vontade. Segundo Rose, elas têm tendência a falar demais sobre os problemas.
Para os autores, os achados podem ajudar a entender conflitos de relações românticas, porque, em muitas delas, as mulheres correm atrás dos homens contando seus problemas e eles só se afastam.
“Homens podem estar propensos a pensar que conversar tornará os problemas maiores, e que se envolver em atividades diferentes ajuda a distrair.”
Uma saída seria os pais encorajarem os filhos desde pequenos a discutir e falar sobre sentimentos, explicando que não é uma perda de tempo.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Fonte: Folha

Site de encontros e traição usa imagem de Cristo para falar de arrependimento

sábado, 27 de agosto de 2011 09:45
Site de encontros e traição usa imagem de Cristo para falar de arrependimento

Os sites voltados para encontros têm ganhado mercado no Brasil, mas a nova modalidade dessas redes sociais é atrair pessoas casadas que querem ter relações extraconjugais. Visando este público, três sites internacionais já estão oferecendo seus serviços no país e um deles traz a figura do Cristo Redentor com os dizeres: “Tenha um caso agora! Arrependa-se depois.”
O Ohhtel.com, um dos sites para traição, instalou um outdoor com essas frases nesta semana no Rio de Janeiro. Lançado em 11 de julho, o site já possuiu mais de 206 mil inscritos no Brasil. Com foco nas Américas, o serviço reúne 1,7 milhão de usuários em seis países.
Diante da imagem a Arquidiocese do Rio de Janeiro, que diz deter os direitos de imagem do Cristo, informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que “repudia veementemente esse tipo de associação”, que o outdoor não tem autorização da arquidiocese e que o caso está sendo analisado pelo seu departamento jurídico.
Já a empresa afirma que comprou os direitos de uso da imagem do símbolo religioso “para propósitos de publicidade” e que o objetivo foi usar “a melhor imagem que representa a Cidade Maravilhosa” para falar com o público carioca.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Gospel Prime

Católicos contestam novo mapa das Religiões que indica queda do catolicismo no Brasil

sábado, 27 de agosto de 2011 09:45
Católicos contestam novo mapa das Religiões que indica queda do catolicismo no Brasil

Católicos da cidade de Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, contestaram os dados do Novo Mapa das Religiões, elaborado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), que aponta queda de 5,36% no número de católicos em seis anos em todo o País e de 3,78% no Estado de São Paulo.
Eles dizem que na cidade o catolicismo continua em alta, sendo a maioria dos munícipes. Além disso, eles destacam que, mais importante do que a quantidade é a efetiva presença da fé na vida dos mogianos, bem como a grande participação em manifestações como a Festa do Divino Espírito Santo.
O padre Claudionir Braga do Carmo, pároco da Catedral de Santana, analisa esta queda, que se dá, em parte, pela migração para outras religiões. “A Igreja Católica tem mais de 2 mil anos de história, sendo mais de 500 anos no Brasil, que é um País de origem católica. Hoje, contudo, vivemos em um mundo globalizado, que entra em outro contexto religioso, a população está crescendo e existe um autêntico mercado da fé por parte de igrejas pentecostais”, critica.
Entre as festas tradicionais da cidade sempre há um grande número de pessoas presentes, na Entrada dos Palmitos foram reunidas 40 mil pessoas, 13 mil nas novenas, 17 mil nas alvoradas e 11 mil na Procissão de Pentecostes, sem falar dos 250 mil visitantes da quermesse.
O Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) costuma ser a base de dados sobre a religiosidade do brasileiro, mas as estatísticas religiosas do Censo 2010 ainda não estão consolidadas. Assim, o levantamento da FVG se baseou na realização de 200 mil entrevistas sobre composição religiosa no final da década.
De acordo com o estudo, em 2003, 73,79% da população brasileira e 69,9% da população paulista eram compostas por católicos. Em 2009, estes números caíram para 68,43% e 66,12%.
“Em todo caso, a maioria da população continua sendo católica. Em Mogi, temos 21 paróquias, todas com missas. Só no domingo, há quatro missas lotadas na Catedral de Santana. O povo continua participando e procura manter a prática de sua fé”, afirma o padre.

Evangélicos no Estado de São Paulo

O estudo da FGV apresenta mudança de cenário entre os evangélicos pentecostais. No País, de 1991 para 2000 a participação de evangélicos na população dobrou: de 5,59% para 11%. No Estado de São Paulo, o índice passou de 6,58% para 13,7%. De 2003 para 2009, contudo, a religião no Brasil teve aumento quase imperceptível: de 12,49% para 12,76. Enquanto isso, o índice paulista apresentou queda: de 17,1% para 14,62%.
Segundo o pastor da Igreja do Evangelho Quadrangular e vereador Carlos Evaristo (DEM), houve uma grande comoção por parte dos evangélicos nos anos 90, principalmente pela “explosão” da Igreja Universal na mídia, mas o quadro agora é outro. “Anteriormente, existiu um crescimento grande e muitas pessoas foram para a fé evangélica para emoção, mas agora, a prática está sendo mais voltada ao ensino da palavra. Com estes ensinamentos, os crentes estarão mais estruturados e, assim, poderá haver aumento novamente”, explica.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Via :Gospel Prime

Deficiente física vence as dificuldades louvando a Deus em culto

sábado, 27 de agosto de 2011 09:45
Deficiente física vence as dificuldades louvando a Deus em culto

Quando pediu para o pastor da PIB de Curitiba que a deixasse cantar ela avisou que não era cantora, mas sim uma adoradora
Apesar das dificuldades, cadeirante louva a Deus em culto e emociona o público
Quando Jesus disse em João 4:23 que Deus procura adoradores que o adorem em espírito e em verdade, Ele estava dizendo da adoração sincera que não vem de belas vozes, mas de corações gratos.
Foi isso que mostrou uma jovem especial que emocionou a Primeira Igreja Batista de Curitiba durante um culto ao pedir que o pastor a deixasse cantar um louvor.
Jaqueline é cadeirante e também possui problemas na fala, mas mesmo assim desejou entregar um louvor a Deus. Dias antes ela disse ao pastor: “Não sou cantora, sou adoradora!”
A música escolhida por ela foi “Quão Grande És Meu Deus”, de Soraya Moraes.

Assista: 

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Via: Gospel Prime

Bebeto ex-jogador e Pastor reclama de pose sensual da filha que é modelo!

sexta-feira, 26 de agosto de 2011 17:45
Bebeto ex-jogador e Pastor reclama de pose sensual da filha que é modelo!

A modelo Stéphannie Oliveira, filha do ex-jogador Bebeto que também é pastor, tem um estilo que vai na contramão do senso comum do universo fashion. Em entrevista para a revista Vizoo, a bela morena – de 1,81m de altura, 90 cm de quadril, 60 cm de cintura e 85 cm de busto – disse que passa longe do estilo “mulherzinha”.

“Sou um molequinho. Fiquei mais vaidosa pela necessidade da profissão, mas estou sempre toda roxa, ralada. Tenho muito mais amigos homens. Menina é sempre muito fresca, muito sensível”, diz ela, que também adora comer sem culpa. “Dieta de alface não tem vez comigo”, afirma.

Apesar do jeito moleque, Stéphannie se transforma em um mulherão nas fotos e não se envergonha da própria sensualidade. Evangélica, ela afirma que encara o nu com naturalidade. “Acho que é preciso separar a nudez de algo sexual. Não faria nada vulgar”, explica. “Às vezes, o pastor reclama, mas é trabalho, sei separar”, garante.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Ego

Procuradora quer por fim nas bancadas evangélicas em Brasília

sexta-feira, 26 de agosto de 2011 17:16
Procuradora quer por fim nas bancadas evangélicas em Brasília

A procuradora da cidade de São Paulo na cidade de Brasília, Simone Andréa Barcelos Coutinho, defende uma reforma no código eleitoral que impeça no Congresso Nacional a existência de representações religiosas, ainda que informais, como o lobby católico e a bancada evangélica.
Para ela, essas representações são incompatíveis com o Estado laico estabelecido pela Constituição brasileira. “O Poder Legislativo é um dos Poderes da União; se não for o Legislativo laico, como falar-se em Estado laico?”
Em artigo no site Consultor Jurídico, Simone escreveu que há duas formas de separação entre o Estado e as instituições religiosas, uma é total e outra é atenuada – e esta é o caso brasileiro.
“Num Estado laico todo poder emana da vontade do ser humano, e não da ideia que se tenha sobre a vontade dos deuses ou dos sacerdotes”, escreveu. “Se o poder emana do ser humano, o direito do Estado também dele emana e em seu nome há de ser exercido.”
Por isso, acrescentou, o interesse público “jamais poderá ser aferido segundo sentimentos ou ideias religiosas, ainda que se trate de religião da grande maioria da população.”
Argumentou que, assim, o que define um Estado verdadeiramente laico não são apenas a garantia da liberdade religiosa e a inexistência formal de relações entre esferas governamental e religiosa, mas também a vigência de normas que proíbam qualquer tipo de influência das crenças na atividade política e administrativa do país.
Nesse sentido, escreveu que partido que tenha em seu nome a palavra “cristão”, por exemplo, representa uma transgressão ao Estado laico. “Os partidos fornecem os candidatos aos cargos ao Legislativo e ao Executivo, que são poderes que devem ser exercidos com absoluta independência das religiões.”
Ela observou que a atual legislação não impede que a eleição de ativistas religiosos filiados a determinada crença, o que compromete “seriamente” a noção de Estado Laico. Até porque esses ativistas acabam tendo a campanha política financiada pelas igrejas.
A procuradora argumentou também que o Estado laico pressupõe “o pluralismo de ideias, a tolerância, o respeito à multiplicidade de consciência, de crenças, de convicções filosóficas, políticas e éticas”. O que, segundo Simone, é impossível de se obter quando há interferências religiosas no Estado, porque elas, por sua natureza, são redutoras e restritivas, ainda que sejam ditadas com o suposto objetivo do “bem comum”.
“Para aonde vai o direito ao Estado laico num cenário político recortado pelas religiões?”

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Gospel Mais

Em MS, 2 mil católicos migram para igrejas evangélicas mensalmente

quinta-feira, 25 de agosto de 2011 09:29
Em MS, 2 mil católicos migram para igrejas evangélicas mensalmente

O novo Mapa das Religiões da Fundação Getúlio Vargas (FGV) revela que a Igreja Católica perdeu aproximadamente 2,7 mil fiéis por mês em Mato Grosso do Sul entre 2003 e 2009.
Pelo menos 75% dos ex-devotos, ou 2 mil por mês, migraram para igrejas evangélicas. Em seis anos, o percentual de evangélicos aumentou de 19,31% para 25,32% (somando pentecostais e não pentecostais), ou seja, cerca de 178 mil novos fiéis, 2,4 mil a cada mês. No mesmo período, os católicos passaram de 71,96% dos sul-mato-grossenses para 63,7% em 2009, ou 195 mil a menos, considerando para o cálculo a estimativa populacional do IBGE de 2009.
Os católicos continuam sendo maioria em Mato Grosso do Sul, mas o número de devotos caiu pelo menos oito pontos percentuais. Em Campo Grande, a queda foi ainda maior, 12,5 pontos, embora continue com mais da metade dos habitantes da cidade. Passou de 65,38% para 52,85%. Isso significa que, só na Capital, a Igreja Católica perdeu 94,6 mil fiéis.
O percentual de sul-mato-grossenses que professam a fé Espiritualista ou pertencem a religiões orientais ou asiáticas permanece praticamente o mesmo. Os espíritas tiveram pequeno declínio, passando de 1,98% para 1,93%. Devotos de religiões orientais e asiáticas passaram de 0,37% para 0,38%. Quase dobrou o o número de praticantes de religiões afrobrasileiras, embora ainda seja um grupo muito pequeno. Passou de 0,15% para 0,26%.
Além do crescimento dos evangélicos em Mato Grosso do Sul, também aumentou o número de pessoas que declaram pertencer a outras religiões e dos que dizem não ter religião. O número de pessoas de outras religiões mais que dobrou – de 1,03% em 2003 para 2,25% em 2009. Oito anos atrás, 5,91% dos sul-mato-grossenses diziam não ter religião, em 2009, o percentual passou para 6,7%.

Campo Grande
O número de católicos em Campo Grande caiu 12,5 pontos percentuais e o de evangélicos, cresceu 8,4. Os pentecostais passaram de 13,28% para 17,18% em 2009 e os outros evangélicos, de 9,16% para 13,71%. Na Capital, os espiritualistas passaram de 3,54% para 3,72%; os que professam crenças afrobrasileiras, de 0,22% para 0,35%. Fiéis de igrejas orientais e asiáticas representavam 0,17% em 2003 e 0,30% em 2009.
Aumentou consideravelmente o número de pessoas que professam outras crenças, de 0,55% para 2,77%. O percentual de moradores de Campo Grande que disse não ter religião passou de 7,68% para 8,95%.
Brasil
Em 2003, 74% dos brasileiros se declaravam católicos. Em 2009, 68,4%. O número de evangélicos subiu de 17,9% para 20,2%. Também aumentou o número de pessoas que afirmam não ter religião: de 5,1% para 6,7%. Se esse ritmo de declínio do catolicismo continuar, o Brasil pode deixar de ser o País mais católico do mundo nos próximos 20 anos. “Se continuar essa perda de 1 ponto de porcentagem de católicos por ano, em 20 anos você teria menos da metade da população”, calculou Marcelo Neri, cpprdenador da pesquisa, em entrvista à Agência Brasil.

Testemunhos
Para o presidente da Aliança Evangélica, pastor Ronaldo Leite Batista, o crescimento das igrejas evangélicas pode ser atribuído aos testemunhos dos fiéis, ampliados pela mídia em dezenas de programas de rádio e televisão, e também por meio da internet, revistas e jornais especializados. “Existe uma busca maior pela espiritualidade no mundo pós-moderno”, considerou. “Eu creio que os evangélicos conseguiram romper essa barreira da religiosidade para se tranformar numa espiritualidade relacional com o Deus chamado Jesus Cristo. E quando contam essa experiência pessoal de se encontrar com Jesus, eles estão testemunhando de maneira muito forte aquilo que as pessoas mais têm necessidade”, relatou. “Obviamente com a ajuda crescente dos evangélicos na mídia”.
Resgate de devotos
Na avaliação do arcebispo de Campo Grande, Dom Dimas Lara Barbosa, a Igreja Católica precisa sair de “sair de uma pastoral de manutenção para uma pastoral missionária”. Ele explicou que não se trata de buscar pessoas que frequentam outras igrejas, mas resgatar os católicos não praticantes e os “católicos eventuais”.
“Nossa preocupação primária é com o grande número daquels que foram batizados na igreja católica e não saíram dela oficialmente e esses são mais de 90% dos que se dizem católicos”, explicou. “Para a igreja num estado permanente de missão é muito importante criar o ministério do acolhimento”, explificou.
Com base em dados do Atlas da Filiação Religiosa no Brasil (montados com informações do Censo 2000), Dom Dimas observou que a maior evasão de católicos acontece nas fronteiras de migração agrícola, entre elas, mato Grosso do Sul e Mato Grosso, e nas periferias de grandes cidades. “Quando a pessoa migra, ela fica fragilizada porque se desvincula de sua cultura original, de sua igreja original e da própria raiz familiar em que ela vive”.
Em recente entrevista ao Correio do Estado, ele destacou, no entanto, que existem dioceses em franca expansão, sobretudo na região sudeste do Brasil. “A FGV, há 3 anos, fez uma pesquisa muito interessante que mostra que onde os programas sociais do governo tinham dado certo, o trânsito religioso estagnou. Isso mostra um vínculo entre o transito religioso, portanto a instabilidade religiosa, que passa pelo cultural e pelo familiar, e a situação de instabilidade sócio-econômica das pessoas”.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Fonte: Correio do Estado

Igreja Mundial terá programação de duas horas diárias nas tardes da Rede TV

quinta-feira, 25 de agosto de 2011 09:14
Igreja Mundial terá programação de duas horas diárias nas tardes da Rede TV

O pastor Valdemiro Santiago (foto), fundador e líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, fechou ontem com a direção da RedeTV! a compra de mais duas horas diárias na programação.
Valdemiro comprou a faixa das 12h às 14h, sete dias por semana. O valor não foi revelado, mas especula-se que tenha ficado em torno de R$ 1,5 milhão mensais. A igreja já tem horários na madrugada da emissora.
Trata-se de um novo avanço de Valdemiro e da Mundial, considerada o maior fenômeno neopentecostal da atualidade no Brasil. Além da RedeTV!, a Mundial também fechou compra de horário na Band. A partir de agosto a programação religiosa ocupará das 2h30 às 6h na emissora. A igreja tem também 23 horas da programação do canal UHF 21 (da Band) até agosto de 2012.
Até o mês passado, Santiago tentava comprar as madrugadas do SBT. Não teve sucesso. Apesar de ter insistido, ele jamais foi atendido por Silvio Santos –apenas por diretores do SBT. Cansado do “chá de cadeira”, procurou outros veículos.
Santiago, 47 anos, mineiro de Palma, trabalhou por quase duas décadas em todos os cargos da Igreja Universal do Reino de Deus. Teria sido convertido e tido a chamada “revelação”, ou epifania religiosa, após conhecer Edir Macedo. Hoje, se tornou seu principal concorrente na disputa por almas pela TV.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Fonte: F5 – Folha.com

Robbie William se arrepende de ter escrito canção contra Jesus

quarta-feira, 24 de agosto de 2011 22:38
Robbie William se arrepende de ter escrito canção contra Jesus

O cantor britânico Robbie Williams resolveu dizer que sua percepção sobre a religião e a espiritualidade mudou. Ele chegou a escrever uma canção, “Bodies”, onde dizia que Jesus Cristo não morreu por nós.
A informação do arrependimento do cantor foi publicada pelo jornal mexicano Excelsior. “Minhas verdades mudam constantemente. Se você acompanha minha carreira de perto sabe que eu sempre disse que “Bodies” era um absurdo. Me refiro a parte onde fala sobre Jesus. Que sou eu para dizer aquilo? Naquela época, fazia sentido pra mim, mas não agora”, diz o cantor.
Ele diz que não cantaria essa música nos dias de hoje e que provavelmente vai mudar a letra para os próximos shows. “Não entrei a Deus nem nada parecido, mas foi melhor, Ele me encontrou”, disse o cantor que também é integrante da banda Take That.
Robbie Willians sofreu depressão e se envolveu com álcool e drogas, mas hoje mostra que aprendeu a ser feliz e que as críticas contra não lhe afetam mais. “Sinto que o lugar onde costumava ser ocupado pela crítica, agora é ocupado por algo poderoso”.
Próximo de completar 40 anos, Robbie promoveu uma mudança de atitude em sua vida. “Nos últimos anos parece que eu deixei cair o véu dos meus olhos, revelando uma verdade preciosa, mas que exigiu muita vigilância da minha parte. Eu tinha que recolher todos os pensamentos negativos e ir expulsando-os a cada minuto e a cada dia”.
O cantor também fala que não podia continuar maltratando seu corpo. “Para mim foi importante perceber que não estou longe dos 40 e não posso continuar a tratar meu corpo do jeito que estava fazendo. As coisas têm de mudar e eu posso escolher a felicidade, que grande presente!”, encerrou.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Gospel Prime

Primeira Igreja Batista comemora 140 anos no Brasil

quarta-feira, 24 de agosto de 2011 12:15
Primeira Igreja Batista comemora 140 anos no Brasil

Missões Nacionais tem orgulho em apoiar a celebração dos 140 anos de organização da Primeira Igreja Batista em solo brasileiro. A programação acontecerá nos dias 8 a 10 de setembro, na cidade de Santa Bárbara d’Oeste (SP), contando com a presença de grandes líderes da denominação e batistas de várias partes do país.
Venha e comemore conosco esse grande acontecimento. Será uma cerimônia tipicamente missionária, onde relembraremos o momento em que tudo começou. Entre as participações de Missões Nacionais, teremos a presença da missionária Margarida Lemos Gonçalves, que há mais de 60 anos dedica sua vida à evangelização do Brasil.
Outro momento importante será a inauguração de um marco histórico que representará o avanço da denominação no Brasil.
As comemorações dos 140 anos de organização da primeira igreja batista brasileira acontecerá no espaço de eventos da usina de Santa Bárbara d’Oeste – Km 1.
Confira a programação
Dia 8/9 – Celebração de Missões – 19h30
Preletor – Pr. Irland Pereira de Azevedo
Participação da Banda e Coro da Cristolândia
EXPO-MISSÕES
Dia 9/9 – Celebração da Juventude – 19h30
Preletora – Missionária Analzira Nascimento
Participação Musical: Cantor PG e banda
Bandas das Jubas do Estado
Dia 10/9 – Celebração Solene
16h00 – Lançamento da Pedra Fundamental do Marco Histórico
20h00 – Culto Solene
Preletor – Pr. Carlos Novaes
Participações:
Coro da PIB de São José do Rio Preto
Grande Coro de 200 vozes formado pelas igrejas da região
Banda Sinfônica de Nova Odessa

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Portal Guiame

Obreiro da Universal revela que usava droga dentro da igreja

quarta-feira, 24 de agosto de 2011 11:52
Obreiro da Universal revela que usava droga dentro da igreja

Nesta semana que antecede a Santa Ceia do filho pródigo, que acontecerá em todos os Cenáculos do Espírito Santo do Brasil, no próximo domingo (28), um depoimento vem ilustrar bem a realidade de muitos: uma vida de aparências.
Durante a programação da IURD TV desta última segunda-feira (22), Claudio Moraes revelou detalhes da vida ilusória que vivia, mesmo estando na presença de Deus e servindo como obreiro na Igreja Universal do Reino de Deus.
Chegada à IURD
“Eu me envolvi com drogas aos oito anos de idade e com o tempo passei a estar no meio dos traficantes. Fiz pequenos furtos. Como vi que nesse meio dava para ganhar dinheiro fácil comecei a traficar. Nisso, a minha vida complicou ainda mais, porque, além do medo de enfrentar a polícia, tinha que estar atento às facções rivais que poderiam se apossar do ponto”, revela.
Claudio disse que viveu um período conturbado, no qual o sossego não existia. “Comprava muita droga e acabei contraindo dívida com um dos traficantes que me jurou de morte. Vivia num estado de pânico, pois, quando me drogava, ficava alucinado, em alerta o tempo todo. Qualquer barulho me deixava vigilante”, disse.
Durante esse período, Claudio começou a frequentar a Igreja Universal a convite de uma colega. “Ia todos os dias e num determinado momento o traficante foi em minha casa cobrar a dívida. Quando fui pagá-lo, ele não aceitou e me contou que a minha dívida estava paga. Eu não esperava aquela atitude”, revelou.
Ao chegar à IURD, Claudio começou a participar dos encontros do Força Jovem e também das reuniões de libertação. “Eu dava a minha vida, buscava as almas e fui mudando, até que eu achei que havia sido batizado com o Espírito Santo, mas, na realidade, era puro sentimento”, afirmou.
A queda
Ele chegou a exercer o trabalho voluntário de obreiro, entretanto, não havia tido um encontro com Deus. Por causa disso, as funções que cumpria passaram a ser vistas como um fardo.
“Tinha o apelido de ‘Ambulância’, porque levava um monte de gente doente para a igreja, mas eu não tinha prazer de colocar o uniforme. Teve uma vez que eu comprei droga, levei para dentro do banheiro da igreja, usei e voltei para trabalhar como obreiro no salão. Depois que me afastei minha vida virou um inferno”, comentou.
Sem emprego, Claudio começou a furtar objetos de dentro de casa para manter o vício. “Quando me afastei da IURD, minha mãe me expulsou de casa e disse que eu era a desgraça da vida dela.”
Sem ter para onde ir, Claudio se tornou um andarilho e percorreu diversos estados brasileiros. “Morei em alberguesem São Paulo, virei mendigo no Paraná e assim fui sobrevivendo. Quando fui para o Mato Grosso, cheguei a comer esterco no meio do pasto de tanta fome. Em Dourados, no Mato Grosso do Sul, tive de beber águaem valeta. Exalava um fedor insuportável e as pessoas tinham medo de mim”, explanou.
A volta
Claudio revelou ter se sentido solitário e achava que Deus não o queria mais. Esse pensamento só mudou quando se lembrou da parábola do filho pródigo. “Voltei para São Paulo, mas não consegui me firmar na Igreja, porque achava que todos iam ficar me olhando. Eu me casei, mas nossa vida era um inferno. Depois de um tempo, decidi dar um basta àquela situação e fui até a IURD. Pedi ajuda a um pastor, pois queria ter minha comunhão com Deus”, relatou. E completou: “Lembrei que já tinha brincado com Deus, mas falei para Ele que dessa vez ia fazer tudo certo. Voltei ao primeiro amor, comecei a buscar ao Senhor e tive um encontro com Ele. Voltei a ser obreiro, tenho prazer em ganhar almas e minha esposa se converteu. Para mim, o Senhor é tudo e sem Ele não sou nada”, assegurou.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Portal Guiame

Trocar de igreja é comum em favela do Rio

quarta-feira, 24 de agosto de 2011 11:18
Trocar de igreja é comum em favela do Rio

Os quase 4 mil habitantes da favela Santa Marta, na zona sul do Rio, têm a sua disposição sete igrejas evangélicas e uma católica dentro dos limites do morro. Nas redondezas, num raio de 500 metros, há outras cinco.
Com tantas opções, é comum encontrar quem frequente mais de uma, tenha trocado várias vezes, ou mesmo famílias em que praticamente cada integrante vai a uma igreja diferente.
“As pessoas hoje se sentem menos presas. Frequentarem mais de uma igreja, sem nenhum problema. Às vezes, escolhem uma de acordo com os serviços que são oferecidos”, diz o pastor Valdeci Pereira, 42, da igreja Batista no Santa Marta.
Segundo ele, apesar de tantas igrejas em busca de fiéis no mesmo local, as relações são amistosas.
Religião também não é problema na casa de Raimunda dos Santos, 33. Seu marido é sem religião, os três filhos frequentam a Igreja Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e ela se declara fiel da Universal do Reino de Deus. Mas, provavelmente, não por muito tempo.
Ela passou a ir aos cultos na igreja dos filhos, e cogita mudar: “Me senti bem acolhida, mesmo eles sabendo que sou de outra igreja. Talvez passe a ir mais lá do que na Universal.”
A antropóloga Diana Lima explica que é comum este “trânsito religioso”.
“As pessoas podem mudar porque depositam suas esperanças numa nova denominação. Às vezes, trocam porque mudaram de bairro e não encontram a mesma igreja na nova vizinhança. Ou então casam, namoram ou fazem novas amizades com pessoas de outras igrejas”, diz a especialista.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Via Folha

Estudo revela que um casamento feliz faz bem ao coração

quarta-feira, 24 de agosto de 2011 10:05
Estudo revela que um casamento feliz faz bem ao coração

União satisfatória aumenta em três vezes a chance de sobrevivência a longo prazo após cirurgias de pontes de safena, indica pesquisa americana. Estar em um casamento feliz faz bem ao coração.
É o que mostra uma pesquisa americana publicada no periódico especializado Health Psychology, da American Psychological Association. De acordo com o estudo da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, pessoas casadas têm até três vezes mais chances de permanecerem vivas 15 anos após uma cirurgia de revascularização cardíaca, também conhecida como ponte de safena ou mamária.
“Existe algo em um bom relacionamento que ajuda as pessoas a permanecerem no curso da vida”, diz Kathleen King, coordenadora da pesquisa. Segundo Harry Reis, coautor do estudo, o efeito da satisfação no casamento é tão importante para a sobrevivência após a cirurgia quanto outros fatores de risco, tais como tabagismo, obesidade e hipertensão.
Mas o casamento desempenha vantagens diferentes para homens e mulheres. Para eles, o matrimônio está relacionado a altas taxas de sobrevivência — quanto mais satisfatória a relação, maior será a sobrevivência. Para as mulheres, a qualidade do enlace é ainda mais importante. Enquanto casamentos infelizes não fornecem praticamente nenhum benefício à sobrevivência, os relacionamentos satisfatórios aumentaram em quase quatro vezes as chances da mulher sobreviver. “A recompensa da felicidade conjugal é mais forte nas mulheres. Por isso, elas devem buscar essa felicidade para terem a recompensa na saúde”, diz Reis.
Pesquisa – No estudo, foram avaliadas 225 pessoas que fizeram uma cirurgia de ponte de safena entre 1987 e 1990. Todos os casados foram questionados sobre sua satisfação com o casamento um ano após a cirurgia. Houve ainda ajuste de idade, sexo, educação, casos de depressão, tabagismo e outros fatores que afetam a sobrevivência para doenças cardiovasculares.
Quinze anos após a cirurgia, 83% das esposas felizes ainda estavam vivas, frente a 28% das que eram infelizes no casamento e 27% das solteiras. O índice de sobrevivência para os maridos felizes também foi de 83%. Mas aqueles nem tão felizes assim também tiveram taxas elevadas. Homens em uniões não muito satisfatórias tiveram um índice de sobrevivência de 60%, significativamente melhor do que os 36% dos homens não casados.
“A cirurgia de ponte de safena coronária já foi vista como uma cura milagrosa para doenças cardíacas”, diz King. “Mas agora nós sabemos que para a maioria dos pacientes, os enxertos são temporários, e ainda mais suscetíveis a entupimentos e doenças do que as artérias naturais do local.” No estudo, os autores citam ainda pesquisas anteriores que apontam que pessoas que têm um casamento com baixa hostilidade são menos suscetíveis a um tipo de inflamação relacionada às doenças cardíacas.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Veja

Igreja católica volta a cair no Brasil; crescem evangélicos e ateus

quarta-feira, 24 de agosto de 2011 09:48
Igreja católica volta a cair no Brasil; crescem evangélicos e ateus

A Igreja Católica voltou a perder adeptos no Brasil, enquanto cresceu a quantidade de evangélicos e de pessoas que se declaram sem religião, aponta estudo publicado nesta terça-feira pelo Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas.

Segundo o Novo Mapa das Religiões, coordenado pelo pesquisador Marcelo Néri, os católicos passaram de 73,8% da população em 2003 para 68,4% em 2009 – uma queda de 5,4 pontos percentuais.

Ao mesmo tempo, os evangélicos passaram a representar 20,2% da população, contra 17,9% em 2003. O grupo dos “sem religião” (ateus e agnósticos), que era de 5,1% em 2003, subiu para 6,7% em 2009.

O levantamento foi feito a partir de dados de mais de 200 mil entrevistas da Pesquisa de Orçamento Familiar (POF), do IBGE.

A queda na participação dos católicos na população vem sendo lenta, porém constante, desde o início do século passado, mas havia se mantido estável na medição anterior da FGV, entre 2000 e 2003.

“Chegamos em 2009 ao menor nível de adeptos ao catolicismo na nossa história estatisticamente documentada”, diz o estudo. “Observamos a queda na proporção de católicos em todas as faixas etárias. Essa mudança foi menor para os grupos com idade mais avançada e maior entre os jovens.”

Tal redução abriu espaço tanto para ateus e agnósticos como para outras crenças.

“A (igreja evangélica) Assembleia de Deus já é a segunda maior igreja do Brasil (em número de adeptos), com grande importância nas classes D e E”, explicou Marcelo Néri à BBC Brasil. “E a crença espírita já é a segunda maior na classe AB.”

No caso dos evangélicos, o crescimento relativo de adeptos se dá em todas as faixas etárias, embora de maneira mais pronunciada entre os jovens.

Na emergente classe C, os evangélicos representam 21,5% da população – mais do que a média nacional (20,2%).

Religião e renda

O catolicismo é a religião é mais presente nos níveis extremos do espectro de renda (72,7% na classe E e 69% na AB), enquanto as crenças evangélicas pentecostais se popularizam nos níveis intermediários inferiores da distribuição de renda (representa 15,3% na classe D). Os evangélicos tradicionais estão concentrados na faixa AB (8,35%) e C (8,7%).

No que diz respeito à divisão geográfica, a maior concentração de católicos é nos Estados do Nordeste brasileiro – no Piauí, 87,9% da população é católica, contra 68,4% da média nacional.

“Os dados demonstram claramente que a velha pobreza brasileira (como áreas rurais do Nordeste, mais assistidas por programas sociais) continua católica, enquanto a nova pobreza (como a periferia dessasistida das grandes cidades) estaria migrando para as novas igrejas pentecostais e para os segmentos sem religião”, diz o estudo da FGV.

Ao mesmo tempo, porém, a renda familiar per capita dos evangélicos é 6,9% inferior à dos católicos – justamente pelo fato de o catolicismo ainda ter presença relevante na elite econômica brasileira.

Com relação aos gêneros, as mulheres brasileiras, ao mesmo tempo em que são mais religiosas do que os homens, hoje são menos católicas: entre os que possuem religião, 75,3% dos homens são católicos; entre as mulheres, esse índice cai para 71,3%.

“Enquanto os homens abandonaram as crenças, as mulheres trocaram de crença, preservando mais do que eles a religiosidade”, diz a pesquisa.

Religiões no Brasil

– Os católicos passaram de 73,8% da população em 2003 para 68,4% em 2009
– Os evangélicos passaram de 17,9% em 2003 para 20,2% em 2009
– Os sem religião passaram de 5,1% em 2003 para 6,7% em 2009

Fonte: BBC Brasil

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com

Senador lamenta decisão da Justiça pela retirada de outdoor contra homossexualidade

terça-feira, 23 de agosto de 2011 15:51
Senador lamenta decisão da Justiça pela retirada de outdoor contra homossexualidade

Para o senador Marcelo Crivella, o Senado não pode se calar diante do que classificou como um “atentado à liberdade de expressão e de religião.

Justiça determina retirada de outdoor evangélico considerado homofóbico!

O senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) lamentou, em pronunciamento nesta segunda-feira (22), decisão da Justiça de Ribeirão Preto, em São Paulo, pela retirada das ruas de outdoor instalado pela igreja evangélica Casa da Oração com versículos bíblicos que condenando a homossexualidade. Para o senador, a decisão foi tomada “de maneira arrogante e antidemocrática” e feriu o direito à liberdade de expressão do grupo evangélico.
Na semana em que se realizaria a 7ª Parada do Orgulho Gay de Ribeirão Preto, marcada para o domingo (21), a Casa da Oração divulgou em outdoor três trechos retirados da Bíblia (Levítico 20:13; Romanos 1:26-29 e Atos 3:19), reprovando a união entre pessoas do mesmo sexo. Provocado por uma ação da Defensoria Pública, o juiz substituto da 6ª Vara Cível de Ribeirão Preto, Aleksander Coronado Braido da Silva, determinou a retirada do material e aplicou multa de R$ 10 mil ao pastor responsável em caso de descumprimento.
Na avaliação do senador Marcelo Crivella, o Senado não pode se calar diante do que classificou como um “atentado à liberdade de expressão e de religião”.
“Isso aqui é a Bíblia, isso aqui é a palavra de Deus. Isso aqui é o primeiro livro impresso nas prensas de Gutemberg e o mais lido nas civilizações ocidentais de origem cristã. Isso não pode ser censurado. Esse país iniciou-se com uma missa. Esse país começou com princípios cristãos, de família, com a Bíblia aberta nos lares. E nós não podemos abrir mão de que essa palavra seja pregada. Eu não estou fazendo nada mais do que citar a Bíblia”, defendeu o senador.
Marcelo Crivella argumentou que, se os homossexuais querem respeito, precisam respeitar também a opinião de quem discorda deles. E enfatizou que a decisão do Supremo Tribunal Federal de reconhecer a união entre pessoas do mesmo sexo não autorizou a censura à Bíblia nem o cerceamento da liberdade de pensamento no país. Para o senador, “a Bíblia é, como ela é” e qualquer um tem o direito de pregá-la.
“Não podemos retroceder, não podemos aceitar retrocesso”, afirmou.
Em aparte, o senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO) concordou com a crítica de Crivella à decisão da Justiça de Ribeirão Preto. Ataídes disse estar indignado com a medida e a considerou um “preconceito” contra a igreja.
‘Acordei em país ditatorial’, diz pastor de painel contra gays
Em entrevista ao site Portal Cristão News, o pastor Antônio Hernandez Lopes, da Casa de Oração de Ribeirão Preto (SP), lamenta a decisão da Justiça de, a pedido da Defensoria Pública do Estado, retirar um outdoor considerado homofóbico. O painel, carimbado com o apoio da casa evangélica, continha três citações bíblicas, entre as quais um trecho do Levítico que sustenta que “se também um homem se deitar com outro homem, como se fosse mulher, ambos praticaram coisa abominável”.
“Não estou chorando porque estou com medo. Estou chorando porque estou vendo uma igreja morta! Dormi em um país democrático e acordei em um país ditatorial!”, protestou o pastor, que diz agora estar acessível apenas a fiéis. “O fone da igreja eu desliguei. Só mantenho o fone pessoal celular no qual eu atendo as ovelhas.” A decisão da Justiça ocorreu dois dias antes da realização da 7ª Parada do Orgulho LGBTT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros) da cidade, que aconteceu no domingo, e determina multa de R$ 10 mil para cada ato de descumprimento da decisão. Procurada pelo Terra, a Nóbile Painéis, responsável pelo outdoor e também citada pela Defensoria, disse que não comentaria o assunto.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Fonte: Agência Estado e Terra

Pais não querem orações realizadas antes da aula em Brasília

terça-feira, 23 de agosto de 2011 11:50
Pais não querem orações realizadas antes da aula em Brasília

A escola Jardim de Infância da 404 Norte, região central de Brasília, tem sido alvo de uma série de manifestações. De um lado alguns pais de crianças entre 4 e 5 anos que condenam a prática da escola de organizar uma oração no começo das aulas. Do outro, porém, está a maioria de pais de alunos que não enxergam o ato como ensino religioso.
A direção da escola organiza diariamente um ato chamado de “acolhimento” que é realizado há 40 anos. Antes das aulas iniciarem os 180 alunos se reúnem no pátio da escola e são estimulados a fazer uma “oração espontânea”, como define a diretora Rosimara Albuquerque. A cada dia, crianças de uma turma ficam responsáveis por fazer os agradecimentos a Deus ou ao “Papai do Céu”.
“Pode agradecer pelo parquinho, pelos colegas. Mas houve um questionamento por parte dos pais para que fosse um momento de acolhida um pouco mais amplo já que algumas famílias não comungam dessa religião, que seria basicamente cristã”, conta Rosimara, que está à frente da escola há seis anos.
O caso foi parar na Ouvidoria da Secretaria de Educação do Distrito Federal. Para a radialista Eliane Carvalho, integrante da Associação de Pais e Mestres do colégio, a escola está ultrapassando os limites permitidos pela legislação. Ela e outros pais que protestam contra essas atividades se apoiam no princípio constitucional da laicidade para pedir que práticas de cunho religioso fiquem de fora do ambiente escolar. Além do momento da acolhida, ela conta que notou outros sinais de violação, a partir de informações que o filho de 4 anos levava para casa.
“Não posso dizer que existem dentro da sala de aula práticas religiosas. Mas meu filho não aprendeu em casa a orar em nome de Jesus. Um dia ele me disse que o telefone para falar com Jesus era dobrar o joelho no chão”, relata Eliane que acredita que a prática serve apenas para “arrebanhar fiéis”.
Em resposta à denúncia, um grupo maior de pais organizou um abaixo-assinado a favor da escola e da oração no início das aulas. Alguns alegam que a diretora está sendo perseguida por ser católica e atuante em grupos religiosos. “A forma como eles [professores e direção] estão atuando não é nada abusiva ou direcionada a uma crença específica. Eles colocam a palavra de Deus, como entidade superior, e agradecem à família. São só coisas boas, frutos bons. Quem está incomodado é uma minoria”, defende Thiago Meirelles, que é católico e pai de um aluno.
Para Carolina Castro, mãe de outro estudante, a intenção da escola é positiva e busca a socialização. “Não acho que eles estejam tratando de religião em si, mas passando uma noção de agradecimento do que é precioso na vida. Não acho que isso seja ensino religioso”, diz.
Depois tantas reclamações, na última semana a reza foi substituída por cantigas de roda e outras atividades. “Aí, sim, parecia uma escola, antes parecia uma igreja. Como pai que tem a obrigação de dar uma orientação religiosa à filha, não posso permitir que haja divergência. O mais triste é que, apesar de essas pessoas dizerem que estão pregando o amor e o respeito, elas não têm respeito nenhum pela minha liberdade de que não haja essa interferência [religiosa]”, diz Mafá Nogueira, pai de uma aluna.
Para resolver o problema, a escola vai convocar reuniões com pais, professores, funcionários e representantes da Secretaria de Educação. Já a Secretaria de Educação do Distrito Federal informou que desconhece problemas semelhantes em outras escolas da rede e reiterou que orienta as unidades a seguir a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), que veda qualquer prática proselitista no ambiente escolar.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Portal Creio

Filme: O pastor metralhadora

terça-feira, 23 de agosto de 2011 11:06
Filme “Machine Gun Preacher” [O pastor metralhadora]Fé e violência: vale a pena matar pelo que se crê?

Estreia em setembro o filme “Machine Gun Preacher” [O pastor metralhadora], estrelado por Gerard Butler e baseado na vida de Sam Childers, um ex-traficante de drogas e motociclista que hoje defende com balas as crianças do sudeste do Sudão e no nordeste de Uganda. Ele luta há anos para defender inocentes que correm risco de morrer ou se tornarem escravos nas mãos do grupo rebelde “Exército de Resistência de Lord”.

Para alguns, Childers é um herói conhecido como o “pastor metralhadora”. Para outros, ele é um mercenário e um assassino que usa o nome de Deus.
O lançamento do filme tem levantado a discussão do uso da violência por pessoas que professam o cristianismo, em especial depois dos assassinatos na Noruega onde a palavra “fé” e “Deus” foram usadas para justificar a matança.
“Creio que a maior coisa que as pessoas precisam saber não é até que ponto fui no passado. Não interessa o que alguém era. A única coisa que interessa é o que se pode fazer para alterar o amanhã,” disse Childers durante uma entrevista.
Esse ex-motociclista, que chegou a andar com os Hell’s Angels, hoje percorre o território do Sudão de arma na mão. “A diferença é que hoje eu luto pelas crianças e famílias que Deus me enviou para proteger.”
Childers sentiu-se obrigado a usar armas para defender as crianças, dando origem a seu apelido. Ele diz ser contra a violência, mas afirma que não se pode deixar que as crianças sejam estupradas e assassinadas. “Ajo em auto-defesa, procurando proteger as crianças”, afirmou ele. “Não sou um assassino. Não gosto de machucar ninguém. Mas estas pessoas têm de ser paradas. Você ficaria indiferente se visse alguém fazer mal a uma criança?”
O filme conta parte da história de Sam Childers, mas já recebeu críticas pesadas antes de estrear. Em um tempo onde violência em nome de Deus é mais associada aos extremistas muçulmanos, há quem não veja com bons olhos a imagem de um pastor com uma metralhadora na mão.
Machine Gun Preacher é a adaptação da biografia de Childers, Another Man’s War: The True Story of One Man’s Battle to Save Children in the Sudan, escrita por Jason Keller, que também cuidou do roteiro do filme. Além de Gerald Butler, estão no elenco Kathy Baker, Madeline Carroll, Michelle Monaghan e Michael Shannon. Monaghan vive a esposa de Childers, Lynn. Shannon interpreta Donnie, o melhor amigo do protagonista vivido por Butler. Carroll interpreta a filha de Childers, Paige, e Baker é a mãe do pastor.
Trailer: Filme “Machine Gun Preacher” [O pastor metralhadora]

Fonte: Agência Pavanews
Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com

Lançamento nacional do novo CD de Fernanda Brum, Glória in Rio Ao Vivo

terça-feira, 23 de agosto de 2011 10:53
Lançamento do novo CD de Fernanda Brum, Glória in Rio Ao Vivo

O lançamento nacional do novo CD de Fernanda Brum, Glória in Rio Ao Vivo, já tem data marcada. Na próxima quinta-feira (25) o disco estará nas lojas de todo o Brasil. O álbum é o registro em áudio da gravação do DVD homônimo, realizada em maio desse ano na comunidade de Vigário Geral, Zona Norte do Rio de Janeiro.

Para que o projeto se tornasse possível, a praça Tropicalismo, no Centro Cultural Waly Salomão (Afroreggae), foi transformada: ganhou um colorido especial com o cenário produzido pela MK Music especificamente para a ocasião. Com entrada gratuita, milhares de pessoas foram até Vigário Geral conferir de perto essa superprodução, dirigida por Marina de Oliveira.

Esse foi o primeiro DVD gospel captado dentro de uma comunidade não pacificada do Rio de Janeiro. Glória, o mais recente CD de Fernanda Brum – que já é Disco de Platina – foi a base o repertório do DVD Glória In Rio. O CD traz 15 faixas.

Fernanda cantou as músicas do Glória, além de ‘Tempo de Crescer, com a participação de Kleber Lucas, e ‘Palácios’, gravada há alguns anos, pelo Rebanhão. Participações especiais não faltaram. Além de Kleber, Jairo Bonfim (‘Glória do Pai’), coral RenovaSoul (‘Glória do Pai’, ‘No Sangue e no Fogo’), pregador Luo (Pavão Pavãozinho’) e o grupo Afrolata (‘Pavão Pavãozinho’ e ‘Videira’). Emerson Pinheiro, produtor musical do DVD Glória in Rio, cantou ‘Rio de Janeiro’, que é um clamor a Deus pela cidade Maravilhosa, e ‘Mergulhei’.

O disco encerra com a famosa canção de Claudio Claro, ‘Videira’, que empolgou a todos os presentes na gravação. Enquanto dia 25 não chega, você já pode reservar seu CD Glória in Rio no MK Shopping. Clique aqui.
Fonte: Mk Music
Da comunidade de Vigário Geral para o mundo, uma noite profética de libertação e transformação. Aguarde!

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com

Filme: Processando o Diabo – Suing the Devil

terça-feira, 23 de agosto de 2011 10:39
Filme Processando o Diabo, pretende mostrar as armas e estratégia que Satanás usa.

O Filme Suing the Devil (Processando o Diabo), tem um enredo baseado na fé que leva a batalha espiritual para o tribunal. O filme tem como objetivo oferecer uma visão sobre o perigo do orgulho, o poder da oração e da vitória definitiva da fé em Cristo sobre as forças do mal.
Num momento em que muitos estão questionando a realidade do inferno e Satanás de acordo com a última pesquisa Barna Group, apenas 50 por cento de cristãos acreditam na existência do diabo- Suing the Devil pretende mostrar as armas e estratégia que Satanás usa. O filme estréia nos cinemas no EUA em 26 de agosto. (Sem previsão para ser lançado no Brasil)
No filme, Luke O’Brien (Bart Bronson), um zelador por se esforçar tornou-se estudante de direito no período noturno, e processou Satanás (Malcolm McDowell) a pagar US $ 8 trilhões. Satanás, que tem 10 dos melhores advogados do país em sua equipe jurídica, aparece para se defender no último dia antes de ter um julgamento a revelia por Luke. O mundo inteiro assiste a TV Jurídica para ver quem vai ganhar “o julgamento do século”.
“II Coríntios 2:11 diz para não sermos ignorante sobre a estrategias do diabo”, disse Tim Chey, escritor e diretor de Suing the Devil. “No entanto, a maioria dos cristãos são tão cego como um morcego.”
Processando o Diabo também é estrelado por Rebecca St. James, Corbin Bernsen, Campos Shannen (Desafiando Gigantes), Tom Sizemore e Roslyn Gentil. Além disso, Hillsong participaram do filme, rodado em Sydney, Austrália.
O filme ganhou uma indicação de uma conceituada Fundação ligada a revista Wired que escolheu os 5 melhores filmes que vão abalar o mundo e o verão nos EUA.

Confira trailer do filme: Processando o Diabo – Suing the Devil

 

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações O Diário

Justiça determina retirada de outdoor evangélico considerado homofóbico!

segunda-feira, 22 de agosto de 2011 22:22
Que Justiça é essa? Justiça determina retirada de outdoor evangélico, considerado homofóbico!

A Justiça de Ribeirão Preto determinou a retirada de outdoors evangélicos que citam passagens bíblicas contra a homossexualidade. “As frases usadas são agressivas, discriminatórias e tem conteúdo homofóbico”, disse o promotor público Victor Hugo Albernaz Junior, que entrou com a ação.
A Justiça considerou o outdoor de caráter homofóbico estipulando uma multa de R$ 10 mil à empresa que criou o outdoor caso ele não seja retirado.
Os outdoors foram colocados durante a semana da diversidade pela igreja Casa de Oração citando passagens como Levítico 20:13 (“Se também um homem se deitar com outro homem, como se fosse mulher, ambos praticaram coisa abominável…”)
“Por causa das coisas que estas pessoas fazem, Deus as entregou a paixões vergonhosas. Pois até mulheres trocam relações naturais pelas que são contra a natureza. E também os homens deixam as relações naturais com as mulheres e se queimam de paixão uns pelos outros. Homens tem relações vergonhosas uns com os outros e por isso recebem em si mesmo o castigo que merecem por causa dos seus erros”. (Rom 1: 26-27)
Para Agatha Lima, um dos responsáveis pela Parada Gay na cidade, o outdoor foi um ataque visto ter sido colocado na semana da diversidade.
“Todos os seres humanos têm direito a expressar o que quiserem, mas têm o ano todo para fazer isso. Fazer na semana da diversidade é uma maneira de ataque, não tinha essa necessidade”, afirmou ele.
O pastor da igreja Antônio Hernandes Lopes justificou que isso é para “expressar o que Deus diz a respeito da homossexualidade”, enquanto os homossexuais expressam sua maneira de viver.
Segundo ele, a acusação de homofobia é inválida alegando que isso “é algo que já está divulgado há milhares de anos”.
“Nós amamos essas pessoas, oramos por elas, elas são bem-vindas, mas a vida, a forma que elas vivem, está contrária àquilo que Deus diz”, argumentou.
Fonte: Christian Post

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com

Após confusão em jogo, Kaká dá testemunho dentro e fora do campo

segunda-feira, 22 de agosto de 2011 13:26
Após confusão em jogo, Kaká dá testemunho dentro e fora do campo

O segundo jogo, do regresso de Super Copa da Espanha em 17 agosto, ganhou as manchetes não apenas a vitória final do FC Barcelona.
Todos os jornais e os meios de comunicação tratam a briga final em que vários jogadores foram pegos de ambos os times após um entrada dura do meia brasileiro Marcelo Fabregas Barca, que envolveu a expulsão do jogador do Real. Durante a briga que se formou, havia outros tipos de ataques, como os trocados entre Mourinho e assistente de treinador do Barcelona, ​​Tito Vilanova.
Embora em um conflito violento cada um dos envolvidos tem sua responsabilidade, mas acontece que no final sempre recai a culpa de tudo sobre o treinador e alguns jogadores individuais do Real Madrid. Embora no final ambas as equipes estavam quase todos os jogadores envolvidos de uma forma ou de outra.
Dizemos quase porque, embora em meio as cenas do incidente ocorrido no jogo passou desapercebido que um jogador do Real Madrid queria ficar longe da confusão: Kaká.
Como muestra la imagen que acompaña esta noticia, tomada de TVE, el jugador brasileño del Real Madrid quiso mantenerse de forma manifiesta sin participar en lo que ocurría. Como mostrado na foto tirada TVE que fazia a cobertura do jogo, o jogador brasileiro do Real Madrid optou por não não participar da confusão que estava acontecendo.
De fé evangélica, Kaká sempre deu um bom testemunho do seu comportamento sobre o seu espírito esportivo dentro e fora do campo. Ele sempre procura nunca agredir um adversário.
E mesmo passando por um período onde seu futebol estava muito ruim desde sua chegada ao Real Madrid, seu comportamento não mudou. No caso em questão, queremos manifestar o testemunho público do jogador não querer participar do tumulto que estavam acontecendo, preferindo ficar fora de toda a violência gerada pela confusão.
Como diz o ditado, uma imagem vale por mil palavras, e o que aconteceu em 17 de agosto passado em Barcelona, ​​Kaká deixou a imagem de um testemunho cristão por estar a favor do respeito e contra a violência. Um exemplo, certamente para todos os atletas e não atletas, um testemunho de não a violência e muito respeito ao próximo.

Confira o vídeo do momento da confusão:

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações O Diário ► Kaká um testemunho dentro e fora do campo

Silas Malafaia reune cerca de 200 mil pessoas em evento no Maranhão

segunda-feira, 22 de agosto de 2011 12:34
Silas Malafaia reune cerca de 200 mil pessoas em evento no Maranhão

Cerca de 120 mil pessoas, segundo a Polícia Militar, participaram do 1º dia do evento evangélico “Vida Vitoriosa para Você” organizado pelo pastor Silas Malafaia no aterro do Bacanga em São Luís. Desde cedo, centenas de pessoas se concentravam no local para acompanhar a mensagem de fé e louvação.
Fiéis de São Luís e do interior do estado estiveram no ato evangelístico que ocorreu neste final de semana na capital maranhense. A expectativa para o domingo era de que mais uma vez milhares de pessoas participassem do evento. A cruzada de São Luís superou as expectativas dos organizadores.
O evento que teve duração de três horas contou com momento de louvação por cantores da música Gospel e foi concluído com a mensagem do pastor Silas Malafaia que falou sobre o passado, o presente e o futuro. Durante quase uma hora, Malafaia pregou para uma platéia emocionada como Dulcília Azevedo, 28, membro da igreja Assembléia de Deus.
Com os olhos cheios de lágrimas disse que a mensagem do pastor era realmente o que ela esperava. “Fiquei muito tocada pela sua pregação, principalmente quando ele (o pastor Silas) disse que é pra gente nunca desistir, para ir em frente. Pra mim essa foi a mensagem principal”.
Durante a pregação, todos ficavam atentos à mensagem do pastor que reforçou a necessidade de os fiéis manterem-se firmes em seus propósitos. Falou sobre o passado, presente e futuro realçando a necessidade de os cristão terem um foco para alcançarem seus objetivos. Segundo ele, quem não tem objetivos e não tem sonhos não chega a lugar nenhum. “Tenha um objetivo acima do normal”, conclamou.
Silas Malafaia disse que o fato de trabalhar o homem na totalidade – biologicamente, psicologicamente, sociologicamente e espiritualmente – e realçar esses aspectos em sua mensagem, notadamente o lado espiritual da pessoa é a explicação para tantos seguidores. É o caso do recém convertido à doutrina evangélica Armando Bacelar. Ele disse que conheceu o pastor por meio do programa de televisão e desde então passou a admirá-lo até se converter. “Através dele a minha vida foi transformada. Eu alcancei muita graça e hoje posso dizer que tenho uma vida gloriosa pela influência do pastor em minha vida”, garantiu.
O evento, que reuniu evangélicos e não evangélicos, foi encerrado com a conversão de novos fiéis. Após o momento de louvor e da mensagem, cerca de duas mil pessoas, segundo os organizadores do evento, se converteram à doutrina evangélica. “Fui realmente tocada pela mensagem do pastor. Tenho certeza de que a partir de hoje terei uma nova vida, uma vida voltada para Jesus”, disse Maria Cristina Rosário, 49 anos. Os novos fiéis foram convidados pelo pastor a irem até à frente do palco e assumirem o seu compromisso com Deus. Para comemorar as conversões fogos iluminaram a noite do céu da cidade. “Acredito que a pregação do pastor vá me ajudar a melhorar a minha relação com a família”, disse o estudante Jeferson Gamboa convertido há um ano na Igreja Batista Nacional.
O evento Vida Vitoriosa para Você mobilizou 45 seguranças, 20 bombeiros, 30 homens da guarda municipal, cinco ambulâncias e 52 policiais militares. Um palco de 452m², painéis de LED e tendas compunham o cenário de um dos maiores eventos evangélicos do país para o qual, segundos organizadores, foram investidos cerca de R$ 1 milhão.

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com
Informações Jornal Pequeno ► Silas Malafaia leva cerca de 200 mil pessoas ao Aterro do Bacanga

John Piper: Não desperdice seu púlpito!

segunda-feira, 22 de agosto de 2011 11:27
Não desperdice seu Púlpito

A melhor forma de desperdiçar seu púlpito é pregando seus próprios pensamentos, em vez de pregar os pensamentos de Deus.

Eu acho que os pastores estão fascinados por modismos, e fascinados pelo que os novos sociologos, e novos psicologos e novas propagandas e novos computadores, e a midia estão dizendo. E eles pensam: ” isso Seria Interessante, isso seria interessante”. E é interessante, mas é o que as pessoas podem achar em qualquer lugar.
O que as pessoas não acharão em nenhum outro lugar a não ser no púlpito é : “O que Deus tem pra dizer?”
Trazer Deus pra primeiro plano, trazer a Palavra de Deus pra primeiro plano. Em qualquer problema seja o que a midia diz, ou os sociologos estão dizendo, ou o que os psicologos estão dizenso.
Ser cheio de Bíblia. Não apenas baseado na Bíblia. De modo que “vou continuar na Bíblia, mas falar sobre outras coisas”. Mas ser saturado de Bíblia, explicar a Bíblia.
A bíblia realmente é … não apenas maravilhosamente perspcaz. Ela é interessante. É radicalmente interessante. Faz você pensar. Se você tomar cada sentença seriamente e mergulhar profundamente na Bíblia, você achará coisas que irão agitar sua mente, interessar seu pessoal, transformar suas vidas, quebrar suas idéias. É impressionanate o que é a Bíblia.
Eu não sei porque pastores, muitos deles de algum jeito parecem achar a Bíblia chata, ou sem ajuda alguma. Ou então eles só querem ir lá um pouquinho e depois ir a outro lugar pra interessar as pessoas. Por que você faria isso?! Porque a Bíblia é a Palavra de Deus. Deus fala e a luz toma forma. Isso é a Palavra de Deus.
… na verdade, tenho também por perda todas as coisas, pela excelência do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor… Conhecer Jesus Cristo vale mais do que qualquer coisa.
Pastor, como você pode ler isso, e não querer permanecer ai e dar razões para seu povo? Como pode ser? E ajudar o seu povo a chegar na experiência apulina de dizer: Ele é mais valioso que qualquer coisa. A Bíblia assim diz. E a Bíblia é a verdade. E Paulo experimentou isso. E nós vamos apontar pra outro lugar?
Vamos entretê-los com histórinhas? Ou mostrá-los algum tipo de descobedrtas sociais? Quando a Bíblia é poder e verdade.
Então, não desperdice seu púlpito significa: Fique perto da Bíblia, medite na Bíblia, vá fundo na Bíblia, penere pela palavra. Para o Cristo vivo, para o Deus vivo. E faça de tasl forma que o seu povo fique unido ás verdades da Bíblia. Fé, que é o que salva, vem pelo ouvire. E ouvir da palavra de Cristo.
Por que você faria qualquer outra coisa ao invés de falar a palavra de Cristo. Eu acho que o motivo pelo qual os pastores não fazem isso é porque eles não vivem pela Bíblia no seu dia-a-dia.

Extraido do Vídeo Não desperdice seu púlpito.
Autor John Piper.

 

Para cópia deste conteúdo, é obrigatória a publicação do link www.amigodecristo.com

Anúncios

Publicado em 27 de agosto de 2011, em Notícias Gospel e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: